Pesca subaquática ou submarina

Na hierarquia dos tipos de pesca que são licenciados para amadores, a pesca subaquatica é a mais importante. A atividade envolve uma série de técnicas de mergulho e geralmente é práticada por pessoas que curtem os chamados esportes de aventura.

Caso você tenha interesse em saber um pouco mais sobre a pesca subaquatica, a sugestão é que não deixe de acompanhar este post até o fim. Afinal, aqui você encontrará as informações mais importantes para conhecer essa modalidade de pesca tão diferenciada.

Pesca submarina, o que é? Como Funciona?

A pesca subaquatica ou submarina também é conhecida como uma atividade de caça feita debaixo d’água. Por envolver uma série de técnicas de mergulho, a prática acaba sendo muito atraente para os fãs dos esportes radicais.

Mergulhadora-Apneia

Foto: Brasil Mergulho

Em linhas gerais, a prática consiste em encontrar um ponto para mergulhar e, munido de todos os equipamentos, realizar a pesca de diversas espécies de peixe. Cabe lembrar que a prática não é predatória e, para poder, realizá-la é necessário ter uma licença específica.

Equipamentos para pesca subaquática

Como a pesca subaquática é um pouco diferente das outras modalidades, a lista de equipamentos é bem variada. Alguns desses equipamentos não chegam a ser indispensáveis, mas tê-los por perto pode ser de grande ajuda. Enfim, de uma forma resumida, os principais equipamentos são:

  • Arma: nesse caso é o principal instrumento da pesca subaquática. Os modelos de armas são vários, mas a mais utilizada é o arbalete. Algumas pessoas também fazem uso de armas pneumáticas;
  • Máscara de mergulho: para poder enxergar debaixo d’água;
  • Snorkel: aparelho que irá ajudar com a sua respiração;
  • Nadadeiras: para poder melhorar a sua mobilidade durante o mergulho;
  • Lanterna de mergulho: esse equipamento é opcional, mas os mergulhadores mais experientes não o dispensam.

Dicas para pesca subaquática

Para poder aproveitar a pesca subaquática ao máximo, é necessário seguir algumas regras importantes da pesca esportiva. Por isso, é bom seguir as dicas que foram separadas abaixo:

pesca

Foto: Revista PORT.COM

  • No Brasil, é vedado o uso de aparelhos de respiração artificial para essa prática. Isto é, não se pode usar cilindros de ar durante os mergulhos. Desse modo, o mergulhador acaba tendo duas opções, usar um snorkel ou trabalhar em apneia;
  • Para poder praticar a pesca subaquática é necessário ter uma licença;
  • Antes de começar a praticar, o ideal é que você assista a pessoas mais experientes. Nesse caso, você pode acompanhar alguém para ver como tudo funciona. Além disso, é altamente recomendado que você faça um Curso de Pesca Submarina para poder aprender sobre técnicas, detalhes de segurança e sobre o mergulho em apneia.

Onde a pesca subaquática é permitida?

Para finalizar, é bom saber que o Brasil está cheio de locais nos quais a pesca subaquática é bem popular. Esses locais se destacam por conta da grande quantidade e variedade de espécimes. De todo modo, os locais devem permitir uma boa visibilidade e ter um fundo rochoso para abrigar a caça.

Conforme sugerem os praticantes, o estado de Santa Catarina, com destaque para a Ilha do Xavier (em Florianópolis) é um dos melhores pontos para quem deseja aproveita sua pesca ao máximo. Em Ilhabela, no litoral de São Paulo, a grande quantidade de peixes também têm chamado a atenção dos pescadores.

E claro, sempre que você quiser saber mais sobre os locais permitidos e outras novidades, o indicado é ir até o site da Confederação Brasileira de Caça Submarina. A entidade é a principal referência brasileira dentro desse universo tão interessante.

Portanto, a pesca subaquática é bastante diferente dos outros tipos de pesca. Por envolver muitos riscos e técnicas de mergulho, ela acaba sendo considerada como uma espécie de esporte radical. Logo, faça o possível para aprender com pessoas experientes antes de se aventurar nessa prática. Dessa maneira, você poderá se divertir sem grandes riscos.

Avalie esse conteúdo

Leave a Reply